Rádios ao vivo

Leia a Gazeta Digital

Automobilismo

Fórmula 1 anuncia calendário de 2022 com 23 etapas

Interlagos segue com pista brasileira na Fórmula 1 | Foto: Ricardo Moraes/Reuters

A Fórmula 1 vai bater novo recorde de número de etapas na temporada 2022. Nesta sexta-feira, 15, a categoria anunciou o calendário do próximo ano com 23 corridas, incluindo o GP de Miami e sem contar com o GP da China. A etapa brasileira, o GP de São Paulo, está marcado para o dia 13 de novembro, no Autódromo de Interlagos.

A temporada 2022 marcará o recorde de 23 provas, uma mais que neste ano, que era até então o maior calendário da história da competição. Como o próximo calendário não terá um GP na China, a organização abre caminho para uma temporada ainda mais longa em 2024, com o eventual retorno da prova chinesa.

Segundo comunicado da F-1, a China ficará fora em 2022 por causa das “condições atuais da pandemia”. “Mas voltará a ser incluída no calendário assim que as condições permitirem.” Desta forma, a corrida chinesa se ausenta da competição por dois anos seguidos: 2020 e 2021.

O Brasil segue no calendário, porém com nome equivocado. A partir deste ano, a prova passa a se chamar GP de São Paulo. No comunicado divulgado pela F-1, aparece GP do Brasil. A prova em Interlagos está marcada para 13 de novembro, novamente perto do feriado do dia 15. Neste ano, a data chegou a ser alterada para ficar perto do dia 15 – será disputada no dia 14.

O calendário será aberto em 20 de março, no Bahrein. Acostumada a abrir a temporada, a Austrália receber a terceira etapa do ano, em 10 de abril. O campeonato será encerrado no dia 20 de novembro, em Abu Dabi, nos Emirados Árabes Unidos. Há previsão de duas rodadas triplas, ou seja três provas em três finais de semanas seguidos, o que geralmente recebe críticas das equipes pelo forte desgaste das viagens.

Confira abaixo o calendário da Fórmula 1 para 2022:

20 de março – GP do Bahrein
27 de março – GP da Arábia Saudita
10 de abril – GP da Austrália
24 de abril – GP da Emilia Romagna (Itália)
8 de maio – GP de Miami
22 de maio – GP da Espanha
29 de maio – GP de Mônaco
12 de junho – GP do Azerbaijão
3 de julho – GP da Inglaterra
24 de julho – GP da França
28 de agosto – GP da Bélgica
11 de setembro – GP da Itália
2 de outubro – GP de Singapura
23 de outubro – GP dos EUA
13 de novembro – GP de São Paulo
20 de novembro – GP de Abu Dhabi

Mais sobre

Aviso de cookies

Nós utilizamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdos de seu interesse. Para saber mais, consulte a nossa Política de Privacidade.