Close sidebar

Rádios ao vivo

Leia a Gazeta Digital

TABACO

Granizo atingiu 77 lavouras na região de Santa Cruz

Foto: Rafaelly Machado

Astor Luis Jaeger, de Rio Pardense, Vale do Sol, observa os danos causados à plantação: ele tem prejuízos pelo segundo ano seguido

Produtores de tabaco sofreram com o granizo no Vale do Rio Pardo, nos últimos dias. Conforme o levantamento atualizado da Associação dos Fumicultores do Brasil (Afubra), 77 associados informaram perdas nas lavouras na microrregião de Santa Cruz do Sul. Do total, 65 são de Vale do Sol, sete de Santa Cruz do Sul, três de Herveiras e dois de Rio Pardo.

Desde o início da atual safra, 114 registros foram contabilizados pela Afubra, um volume bem menor que o do ano passado, quando 1.006 associados haviam sido atingidos por granizo no mesmo período, considerando a microrregião de Santa Cruz.

LEIA MAIS: FOTOS: fumicultores de Vale do Sol foram os mais afetados pelo granizo dessa segunda

O produtor Astor Luis Jaeger, da localidade de Rio Pardense, em Vale do Sol, sofre com os estragos provocados pelo granizo pelo segundo ano consecutivo. “Ano passado foi no dia 6. Desta vez, no dia 13”, relata. Dos 110 mil pés inseridos em sete hectares, ele estima perdas em pelo menos 30 mil pés. “Tivemos mais prejuízos com os pés maiores, já com 15 a 16 folhas. Em alguns, quebrou o caule”, comentou.

Das últimas duas décadas, Jaeger aponta que os dois últimos anos foram os mais problemáticos em relação ao granizo. A queda das pedras é localizada – ou seja, lavouras próximas não são atingidas, muitas vezes. “Vou acionar o seguro para cobrir a perda. Os técnicos farão uma análise para estimar o prejuízo. Nos pés menores, praticamente não houve perdas”, salientou o agricultor.

LEIA MAIS: VÍDEO: granizo causa estragos no tabaco

LEIA TAMBÉM: Por dentro da safra: mais uma semana que começa com chuva

Aviso de cookies

Nós utilizamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdos de seu interesse. Para saber mais, consulte a nossa Política de Privacidade.