Close sidebar

Rádios ao vivo

Leia a Gazeta Digital

SEGUNDA DIVISÃO

Galo vence em São Borja e fica a um empate da Divisão de Acesso

Foto: Vinícius Molz Schubert/FC Santa Cruz

Lateral do Santa Cruz, Ramon comemora o gol, marcado aos dez minutos de jogo

O Galo está a um empate de retornar à Divisão de Acesso em 2022. No primeiro jogo pela semifinal da Segunda Divisão, na tarde desta quarta-feira, 23, no Estádio Vicente Goulart, em São Borja, o Futebol Clube Santa Cruz fez mais uma boa partida na competição e manteve a invencibilidade, agora de 11 jogos, com dez vitórias e um empate.

Com um gol de Ramon no primeiro tempo, de cabeça após escanteio, o alvinegro venceu por 1 a 0 e abriu o caminho para a conquista da vaga na Divisão de Acesso do ano que vem, mas para isso, terá uma nova batalha no sábado, 26, no Estádio dos Plátanos, a partir das 11 horas.

PRIMEIRO TEMPO

Jogando em casa, o São Borja foi para cima do Santa Cruz e foi perigoso no ataque durante toda a primeira etapa.

Mas o time alvinegro trabalhou bem a defesa e soube controlar a pressão. Ainda na reta inicial, o Galo começou a implementar seu jogo e chegou pela primeira vez eu m um chute por cima do volante David, aos 9 minutos.

Aos dez minutos, o time visitante usou a bola parada para abrir o placar. Em escanteio cobrado por Laion pelo lado esquerdo de ataque, a bola foi na pequena área, onde encontrou o lateral-direito Ramon, que entrou em velocidade e tocou de cabeça para abrir o placar para o Santa Cruz.

Após sofrer o gol, o São Borja aumentou ainda mais a velocidade, e buscou o gol de empate. Aos 23 minutos, o atacante Matheus Guerreiro recebeu um cruzamento da esquerda na pequena área do Galo, e por pouco não conseguiu tocar na bola para desviar ela para o gol do goleiro Diego Duarte.

Aos 39, Diego Torres, ex-Avenida, cobrou falta para o São Borja e o goleiro alvinegro defendeu. o rebote, a arbitragem marcou impedimento do ataque do São Borja, que tentava seguir a jogada. O time da casa seguiu povoando o campo de ataque até o intervalo, sem conseguir passar pela boa defesa carijó.

SEGUNDO TEMPO

O cenário permaneceu na segunda etapa: o São Borja foi pra cima do Galo, que jogava por um contra-ataque para ampliar. E por pouco o Santa Cruz não marcou o segundo em uma escapada aos dez minutos. Chiquinho lançou Fogaça na esquerda, ele se livrou da marcação e chutou cruzado. Laion quase aproveitou o rebote do goleiro, que defendeu em dois tempos.

O jogo foi brigado em São Borja, mas o Santa Cruz mostrou-se preparado para aguentar a pressão. O goleiro alvinegro, Diego Duarte, fez grande defesa aos 25 minutos, após uma conclusão de Matheus Guerreiro na pequena área.

O tempo foi passando e o time do Galo controlou os ataques do São Borja. Mesmo com os dez minutos de acréscimos na segunda etapa e a maior posse de bola do time da casa, as chances de empate foram poucas, e o time do técnico William Campos leva a vantagem de um gol para o Estádio dos Plátanos, quando no próximo sábado, dia 26, a partir das 11 horas, o Galo recebe o São Borja para o jogo que irá definir quem vai para a final da competição, e se garante na Divisão do Acesso no ano que vem.

Não há saldo qualificado, ou seja, o São Borja precisa fazer dois gols para se classificar em Santa Cruz. Já o Galo retorna para a Série A2 com qualquer vitória, ou empate. Se perder por um gol de diferença, leva a decisão para pênaltis.

Na outra semifinal, Gaúcho sai na frente

O Gaúcho, de Passo Fundo, venceu o Rio Grande no Estádio Arthur Lawson por 3 a 1, e agora tem dois gols de vantagem para o jogo de volta, em Passo Fundo. Os gols do Gaúcho foram marcados por Luan Victor (contra), Luan e Marcel. João Victor marcou o gol do Rio Grande. A partida de volta ocorre no mesmo dia e horário de Santa Cruz x São Borja, no sábado, 26, 11 horas.

FICHA TÉCNICA – CAMPEONATO GAÚCHO SÉRIE B
SEMIFINAL – JOGO DE IDA
SÃO BORJA X SANTA CRUZ

Local: Estádio Vicente Goulart, em São Borja
Data: 23/06/2021, quarta-feira
Horário: 15 horas
Árbitro:  Francisco Soares Dias
Assistentes: Eduardo Boaz e Natan dos Santos
Quarto árbitro: Deividi de Freitas
Cartão amarelo: Thiaguinho, Gean (São Borja); Laion, Ramon (Santa Cruz)
Cartão vermelho:
 
Gol: Ramon, aos 10 min/1ºT

SÃO BORJA: Samuel; Willian, Galo, Alemão, Wellington (Viana), Moisés Baiano (Fernando Urnau), Max (Matheus Paulista), Victor (Thiaguinho), Gean, Guerreiro e Diego Torres;
Técnico: Zeca Ferreira

SANTA CRUZ: Diego Duarte; Ramon , Luis Henrique (Kévlin), Diego Rocha e Otávio; Ben-Hur, David (Marlon) e Chiquinho (Felipe); Laion, Juliano Fogaça (Leylon) e Nena
Técnico: Wiliam Campos

Mais sobre

Aviso de cookies

Nós utilizamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdos de seu interesse. Para saber mais, consulte a nossa Política de Privacidade.