Rádios ao vivo

Leia a Gazeta Digital

SOBRADINHO

Na quadra de futsal, crianças e adolescentes colocam os pés no futuro

Foto: Nathana Redin/Gazeta da Serra

O apito é presença constante. Basta um assovio e já se sabe que a garotada está em quadra. A movimentação entre o aquecimento e o jogo, se dá sob o olhar atento ao que os treinadores explicam. Muito mais do que um treino, frequentar a quadra poliesportiva do Bairro Pinhal, para crianças e adolescentes de Sobradinho, também é sinônimo de aprendizado, de formação de amizades e uma possibilidade a mais para sonhar com o futuro.

E por falar nisso, o nome do projeto, “Pés para o Futuro”, já indica o objetivo que está por trás da iniciativa nascida em 2016. A ideia foi impulsionada por algumas crianças, que queriam aprender a jogar basquete. Foi naquele momento que o auxiliar de depósito e repositor de frutas, Rodrigo Machado (conhecido como Rodrigo Pitbox) começou a pensar no que poderia ser feito para auxiliá-los. Junto com o instrutor de academia e funcionário público, Cristiano Lopes, ambos moradores do Bairro Pinhal, colocaram a ideia em prática e foram surpreendidos pelo número de pessoas interessadas.

Da ideia inicial, que seria basquete, migraram para o futsal e assim agregaram muitos participantes, com idades entre 9 e 15 anos. Hoje são mais de 50 participantes, meninos e meninas, treinando no turno da noite algumas vezes na semana. “O nosso objetivo é formar cidadãos de bem. Se sair jogadores do projeto, ótimo, vai ser uma coisa muito boa. Mas acho que cidadãos de bem é a palavra-chave”, destaca Rodrigo, que é treinador e vice-presidente da Associação Pés para o Futuro, registrada oficialmente neste ano.

LEIA TAMBÉM: Delegacia firma parceria com a Unisc para atender vítimas de violência doméstica

De lá para cá, conforme conta, o projeto evoluiu. Foi possível, através de doações, parceiros, e da arrecadação e venda de materiais recicláveis, adquirir vestimentas para os participantes e realizar, inclusive, momentos de maior descontração, como festas pela passagem do Dia das Crianças, data especial para o projeto. “Depois que foi formado o projeto, notamos as crianças mais unidas, os vizinhos também, então esta questão da união também está presente. É uma coisa maravilhosa a gente poder ajudar nossas crianças. O objetivo nosso é tirar eles das ruas e serem cidadãos de bem lá na frente. Trabalhamos muito com eles a educação e o comprometimento”, enfatiza Rodrigo, que diz ter muito orgulho de realizar este projeto no bairro onde cresceu.

A equipe de voluntários que dedica tempo para treinar as crianças e jovens é formada por Rodrigo e também por Jonatan Lourenço, Fernando Silva e Cristiano Lopes, atualmente mais afastado dos treinos por questões de trabalho e estudo, segue acompanhando as atividades como presidente da Associação Pés para o Futuro. “As crianças são as verdadeiras responsáveis pelo projeto ter surgido. Junto com o Rodrigo viemos estruturando e o projeto é independente, não temos uma ajuda constante de alguma outra entidade ou empresa, são pessoas que ajudam porque gostam da nossa maneira de trabalhar e agora conseguimos formalizar como associação”, conta Lopes.

Os idealizadores Rodrigo Pitbox e Cristiano Lopes com Jonatan Lourenço, um dos treinadoresço
Também voluntário do projeto, Fernando Silva

Segundo Cristiano, desde o início do projeto é possível notar um resultado positivo no comportamento dos participantes, principalmente nas atitudes. “Buscamos auxiliar eles a fazer as coisas certas. Estamos conseguindo, aos poucos, conquistar os objetivos. O resultado vamos colher quando eles estiverem na vida adulta. Estamos plantando e esperamos colher estes frutos lá na frente, quando tiverem que tomar atitudes ou decisões que serão importantes na vida deles, entre o certo e o errado, entre ser alguém na vida, procurar o ensino superior, ser um profissional de qualidade”, destaca o presidente.

Para Yasmim Santos, 12 anos, que sonha em ser jogadora, o projeto é uma oportunidade especial, da qual participa desde o início das atividades. “Eu acho que dá bastante futuro, seja no futebol, nos estudos. Eu gosto bastante do projeto, todo mundo na verdade gosta. Pra mim representa tudo. É uma família, somos amigos, irmãos”, enfatiza. Quem também sonha com o futuro no futsal é Kainã Gomes Borges, de 15 anos, morador do Bairro Pinhal. Há aproximadamente três anos, ele acompanha as atividades. “Vim aqui na quadra, achei interessante e comecei a treinar com eles, para descontrair também, dar uma brincada. Sempre gostei de futsal. O projeto é tri. Fiz muitos amigos. Os professores são bem legais”, resume.

LEIA TAMBÉM: Graça, do nome ao canto

Para o pedreiro José Silva de Castro, pai do adolescente José Ramon, de 14 anos, que mora na entrada de Linha Apolinário e há 3 anos participa do projeto, este tem sido também um incentivo em outras áreas. “É uma diversão para ele, uma psicologia, e ajuda bastante no colégio. Já dissemos para ele, ‘quer jogar tem que ir bem na escola’. E o futebol para ele é tudo”, destaca Silva, que diz ver o filho empenhado também com os estudos. Já José Ramon sintetiza o motivo de gostar do projeto. “É muita diversão. A gente aprende a jogar bola, a ter disciplina, educação, respeito. Eles explicam bem direitinho as coisas. Aqui também fiz bastante amigos”, declara o adolescente.

2ª Taça dos Projetos Sociais ocorre neste domingo

As categorias Sub-11 e Sub-13 dos projetos sociais de Sobradinho irão participar da segunda edição da Taça de Futsal dos Projetos Sociais neste domingo, 7. Com início previsto para as 8h30, seis entidades estão inscritas para os jogos, que serão disputados no Ginásio Castelão. Deverão ser seguidos os protocolos vigentes em razão da pandemia.

Representantes do evento estiveram no estúdio da Rádio Gazeta FM 98.1

Quer receber as principais notícias de Santa Cruz do Sul e região direto no seu celular? Então faça parte do nosso canal no Telegram! O serviço é gratuito e muito fácil de usar. Se você já tem o aplicativo, basta clicar neste link: https://t.me/portal_gaz. Se ainda não usa o Telegram, saiba mais sobre o app aqui e veja como baixar.

Aviso de cookies

Nós utilizamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdos de seu interesse. Para saber mais, consulte a nossa Política de Privacidade.