Rádios ao vivo

Leia a Gazeta Digital

SOLIDARIEDADE

Órgãos para transplante são captados no Hospital Ana Nery

Foto: Banco de Imagens

O momento de dor e perda para uma família santa-cruzense transformou-se em oportunidade de recomeço para outras pessoas. Fígado, rins e córneas de uma paciente foram retirados em uma ação que envolveu profissionais do hospital e de outros municípios. Após ser constatada a morte encefálica, com autorização dos familiares, os órgãos foram captados no dia 29 de abril.

Segundo o coordenador de enfermagem do Centro de Terapia Intensiva, Ricardo Bastos, a instituição contou com o importante apoio da CIHDOTT – Comissão Intra-hospitalar para Doação de Órgãos e Tecidos para Transplantes, em conjunto com Organização de Procura de Órgãos (OPO 6), com sede em Lajeado, que auxiliou em todos os protocolos e orientações necessárias. “A partir de então, toda a equipe multiprofissional da instituição não mediu esforços para viabilizar a captação”, reforçou.

A CIHDOTT destaca que o procedimento só foi possível graças à generosidade da família da doadora. “A atitude permitiu que cinco pessoas que estavam aguardando na fila para transplante de órgãos fossem ajudadas”, complementam.

LEIA TAMBÉM: Campanha da Prefeitura de Santa Cruz incentiva doação de órgãos

A família contou com apoio psicológico durante todo o processo e consentiu a doação acreditando que esta seria a vontade da doadora. Segundo a psicóloga responsável por acompanhar o caso, Bárbara Esteves, o conhecimento familiar acerca do desejo de ser doador contribui e facilita a tomada de decisão, além de auxiliar a enfrentar o momento de perda e sofrimento.

Bárbara esclarece ainda que todas as pessoas podem ser doadoras de órgãos. Para isso, basta ter boas condições clínicas de saúde. No Brasil, a legislação não obriga que se realize uma declaração documental ou insira em documentos de identidade a informação de que se deseja ser doador de órgãos. “Apenas converse com seus familiares e informe sobre o desejo de ser doador”, salientou.

LEIA TAMBÉM: Em duas semanas, Hospital Ana Nery recebeu R$ 219 mil em doações

A captação aconteceu no centro cirúrgico do Ana Nery e foi realizada por médicos da Central de Transplantes de Passo Fundo e pelo doutor Farid Abbas Abed Husein Abed, oftalmologista em Santa Cruz do Sul, que contaram com o apoio de profissionais médicos e de enfermagem do HAN.

Após captação, os órgãos foram levados pela equipe da Central de Transplantes de Porto Alegre e posteriormente reimplantados em pacientes que estavam aguardando na lista de espera. “Foi uma grande mobilização, ficamos muito felizes com o resultado. Inclusive recebemos o retorno da Central de Transplantes parabenizando o Ana Nery pela estrutura e trabalho desenvolvido, que resultou na viabilidade desta captação”, finaliza a coordenadora de enfermagem do Centro Cirúrgico, Suzeline Ferreira.

LEIA TAMBÉM: Pesquisadora de Santa Cruz trabalha em projeto inovador contra a Covid-19

Mais sobre

Aviso de cookies

Nós utilizamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdos de seu interesse. Para saber mais, consulte a nossa Política de Privacidade.