Rádios ao vivo

Leia a Gazeta Digital

COVID-19

Prefeitura de Venâncio Aires suspende prova do concurso público

Diversas medidas foram anunciadas nesta segunda-feira

A Prefeitura de Venâncio Aires anunciou nesta segunda-feira, 16, medidas de prevenção ao novo coronavírus. Entre as medidas, está a suspensão das provas do concurso público, cuja aplicação estava prevista para o dia 29. Uma nova data será divulgada.

O Município criou um Gabinete de Crise em Saúde, integrado por representantes da Secretaria Municipal de Saúde, Procuradoria Jurídica, Secretaria de Administração, Coordenadoria de Comunicação, Defesa Civil, Unidade de Pronto Atendimento (UPA) e Hospital São Sebastião Mártir (HSSM).

LEIA MAIS: Instituições de ensino suspendem aulas em Santa Cruz do Sul; confira lista

A comissão elaborou um decreto municipal, com medidas para contenção do vírus. O documento determina a suspensão das aulas nas escolas municipais de educação infantil e de ensino fundamental por 15 dias, a partir de quinta-feira, 19.

O decreto também estabelece a suspensão de eventos previstos para os próximos 30 dias. Isto inclui, além do concurso, o programa Portas Abertas, realizado toda sexta-feira na Prefeitura. Estão cancelados o 12º Fórum Internacional e 16º Fórum Nacional de Educação, previsto para ocorrer em maio, e as programações de Páscoa no município.

LEIA MAIS: Confira orientações e alterações nos serviços em Santa Cruz

Estão suspensos e terão nova data definida o 2º Festival do Churrasco e Chimarrão, que ocorreria em abril, e a 2ª Edição da Agrofeira, que seria realizada em maio. A Prefeitura recomenda que eventos particulares não sejam realizados, para evitar aglomerações de pessoas.

Outras medidas previstas:

  • Veículos utilizados no transporte coletivo devem receber higienização mais frequente e terão cartazes com orientações;
  • Nas repartições públicas, será disponibilizado álcool em gel. O compartilhamento de chimarrão será evitado.

No caso de dúvidas sobre o coronavírus, a população é orientada a entrar em contato com o Ministério da Saúde, pelo telefone 150, ou com a Vigilância Epidemiológica, no 51 997 996 570.

O decreto está em vigor e tem validade de 30 dias. Ele será reavaliado diariamente pelo Gabinete de Crise. “Estamos, infelizmente, vivendo uma pandemia mundial. Não temos nenhum medicamento que trata diretamente o coronavírus, apenas tratamento para os sintomas. Temos que ter cuidado, temos que ter atenção e não devemos entrar em pânico”, afirmou o secretário de Saúde, Ramon Schwengber.

“Precisamos e devemos ter empatia um com o outro, porque se cada um fazer sua parte, estaremos mais tranquilos. Faça sua higiene. Cuide ao tossir, utilize álcool gel. Vai passar “, completou o secretário.

LEIA MAIS:
Coronavírus: acompanhe as últimas notícias sobre o Covid-19
Tire suas dúvidas sobre o coronavírus e saiba como se prevenir

Mais sobre

Aviso de cookies

Nós utilizamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdos de seu interesse. Para saber mais, consulte a nossa Política de Privacidade.