Rádios ao vivo

Leia a Gazeta Digital

inclusão

Santa Cruz sedia olimpíada regional da Apae

Foto: Caroline Garske

Assistidos das Apaes participaram de diversas competições, como de atletismo

Durante a manhã e tarde de terça-feira, 30, assistidos da Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae) de seis municípios da região participaram da olimpíada regional, que foi realizada na Universidade de Santa Cruz do Sul (Unisc). Além de Santa Cruz, atendidos dos municípios de Rio Pardo, Encruzilhada do Sul, Sobradinho, Arroio do Tigre e Cachoeira do Sul participaram das atividades. 

Na ocasião, modalidades como futsal, arremesso de peso, lançamento de disco, salto em distância e corridas foram disputados. Todos os participantes receberam medalhas. “Esse momento é muito importante, é um orgulho receber e sediar a etapa regional e ver que a olimpíada veio para mostrar que somos capazes de quebrar as próprias barreiras, basta acreditar no potencial humano”, salienta a presidente da Apae de Santa Cruz do Sul, Maribel Dockhorn.

LEIA TAMBÉM: Um dia para falar da inclusão das pessoas com Down

A olimpíada, que tem apoio da comunidade, da Prefeitura de Santa Cruz do Sul, Unisc e Corpo de Bombeiros, objetiva valorizar os jovens e adultos das Apaes. Laudemiro Volmar Trindade, professor de educação física da Apae de Santa Cruz do Sul, explica que a olimpíada regional foi organizada pela instituição santa-cruzense, e é uma pré-seletiva para a olimpíada estadual. “É fundamental a valorização do indivíduo, no esporte ele pode mostrar seu potencial. O esporte nada mais é que uma maneira de integrar e socializar. A gente trabalha muito o lado da saúde, da autoestima e o esporte é um caminho que conseguimos agregar tudo isso”, detalha Trindade.

Futsal foi uma das modalidades das Olimpíadas desta terça | Fotos Caroline Garske

Cachoeira foi uma das seis cidades presentes

A delegação da Apae de Cachoeira do Sul participou das atividades de basquete e atletismo com 35 pessoas, entre assistidos, funcionários e membros da diretoria. “É uma situação atípica, porque essa olimpíada era pra ter acontecido ano passado e devido à pandemia não aconteceu. Eles ficaram muito tempo parados e tivemos pouco tempo de treino”, comenta o professor de Educação Física, Itamar Fontoura. 

LEIA TAMBÉM: Emendas beneficiam Apae de Santa Cruz com R$ 150 mil

Assistidos e autodefensores da Apae de Cachoeira, Luiza Carolina de Almeida, de 25 anos, e Marcelo Julio Vieira Maciel, de 35 anos, contam que participaram de competições como de corrida, caminhada e salto. “O Itamar treina a gente bastante para a gente dar orgulho para eles e para nossa cidade também”, diz Luiza. Já Marcelo relata que o professor Itamar já tem bastante experiência com eles e quando é preciso, chama a atenção do grupo para desenvolver os melhores resultados. “Ele trabalha educação física, grupo de dança também, e nós participamos de tudo”.


Marcelo e Luiza e o professor de Educação Física Itamar Fontoura

LEIA TAMBÉM: FOTOS: Apae completa 57 anos ao lado da comunidade

Quer receber as principais notícias de Santa Cruz do Sul e região direto no seu celular? Então faça parte do nosso canal no Telegram! O serviço é gratuito e muito fácil de usar. Se você já tem o aplicativo, basta clicar neste link: https://t.me/portal_gaz. Se ainda não usa o Telegram, saiba mais sobre o app aqui e veja como baixar.

Aviso de cookies

Nós utilizamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdos de seu interesse. Para saber mais, consulte a nossa Política de Privacidade.