Rádios ao vivo

Leia a Gazeta Digital

JF VIGHI

Suspense

Santa Cruz do Sul vive uma expectativa muito grande. A CBF vai sortear amanhã os confrontos da primeira fase da Copa do Brasil. O Galo está na disputa. A condição foi adquirida ao vencer a Copa Ibsen Pinheiro. Serão sete fases, e as 12 equipes vindas da Copa Libertadores da América, além dos campeões da Copa Verde, Copa do Nordeste e Série B, entrarão na terceira fase. Mais uma vez, nossa cidade vai estar em uma competição nacional. Antes foi o Avenida em 2019. Dedos cruzados. Eu pergunto: melhor encarar um dos grandes ou um dos menores, que pode ser vencido nos Plátanos?

Saldos
Foram dois títulos nacionais perdidos (2019 e agora) em sequência dentro do BeiraRio. Fica muito difícil julgar. O que sei é que diante de todos os contratempos da temporada, começando com as lesões de jogadores titulares, como Guerrero, Saravia, Rodrigo Moledo e Boschilia, ainda vieram os desarranjos políticos e a saída de Eduardo Coudet, buscado a peso de ouro na Argentina. Mesmo com a desclassificação na Copa do Brasil e na Libertadores, ficou um vice-campeonato brasileiro com muito orgulho. O legado de Abel Braga é a estrutura de uma equipe formada na base. Hoje começa o Gauchão no BeiraRio. Uma nova era.

Derrota
O primeiro tempo do jogo na Arena foi de marcação forte das equipes. Equilíbrio. O gol do Palmeiras saiu na bola parada. O Grêmio levou dois sustos no início do segundo tempo. A expulsão do Luan deu vantagem numérica para o tricolor, e as alterações dos dois times mudaram a fotografia do jogo. Pressão total do Grêmio, mas o gol não saiu. Prejuízo a ser revertido no domingo, em São Paulo. É possível. 

LEIA OUTRAS COLUNAS DE J F VIGHI

Mais sobre

Aviso de cookies

Nós utilizamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdos de seu interesse. Para saber mais, consulte a nossa Política de Privacidade.