Happy hour 20/01/2019 23h49 Atualizado às 09h51

Garopaba encantadora

Outrora, uma das atrações para os veranistas era esperar a chegada dos pequenos barcos de pesca e verificar a quantidade e tamanho dos peixes

Nossa família frequenta Garopaba, no mínimo, há 25 anos. Meus filhos aprenderam a gostar das temporadas de verão nesse balneário. Não diria que foi a única praia onde passamos as férias de 15 dias, porém essas mudanças de ares foram raras.

 Dezenas de casas foram alugadas pela popular Madá, nossa amiga e corretora oficial dos imóveis dos pescadores, que no verão, procuram outro abrigo com os parentes. Esse aluguel faz parte da renda familiar. A pesca está rendendo cada vez menos com a vinda dos navios pesqueiros predatórios, que infelizmente, inviabilizou a profissão dos pequenos pescadores.

 A Madá, uma mulata de cintura fina, é uma figura popular e pitoresca em Garopaba. Sempre vestia um minúsculo biquíni fio-dental da manhã à noite. Fazia questão de mostrar seu enorme bumbum, que se tornou uma marca registrada dela. Casada e mãe de duas filhas, supervisiona a mais velha, que atualmente administra a imobiliária da família.

Outrora, uma das atrações para os veranistas era esperar a chegada dos pequenos barcos de pesca e verificar a quantidade e tamanho dos peixes que estavam presos nas redes. Encostavam na praia quase vinte barcos. Era um festival de compra e venda dos filés feitos na hora. Dava gosto de ver a habilidade dos limpadores, que atiravam os restos no mar, alimentação preferida das gaivotas, que ainda hoje rondam o local.

Garopaba mantém a antiga vila dos pescadores, que continua com as casas preservadas e suas ruas estreitas conduzem até a praça e sua linda igreja construída no alto do morro, cujas bases rochosas garantem sua solidez. Apesar de a comunidade ter edificado uma moderna catedral, a antiga é o cartão postal mais importante da cidade. As fotos lá do alto desnudam as belezas das suas praias, adornadas pelas pequenas embarcações ancoradas no mar.

 O município não se resume à praia central, que recentemente foi modernizada com um lindo calçadão à beira-mar e repleta de restaurantes na sua rua principal. Tem diversos passeios turísticos ou para os balneários que o rodeiam.
 Aqueles que visitam Garopaba e têm filhos pequenos não podem perder a oportunidade de levá-los até as dunas da Praia de Siriú, localizada na beira da estrada asfaltada a poucos quilômetros do centro, para praticarem o sundboard, brincadeira que encanta as crianças e adultos. Outra atração é alimentar-se com um peixe frito acompanhado de uma cerveja bem gelada no restaurante. Nunca tentei chegar ao topo do morro pela escadaria de acesso. Não aguentaria subir os mais de cem degraus da íngreme escada. Os corajosos que o galgam mostram as lindas fotos captadas da Praia de Siriú.