Rádios ao vivo

Leia a Gazeta Digital

BALANÇO

Coomcat recolheu mais de 990 mil quilos de resíduos em 2021

Foto: Rafaelly Machado

Neste ano, o objetivo é chegar ao índice de 20% de reciclagem do percentual de 27,82% de material reciclável existente em Santa Cruz

Números que mostram a relevância do trabalho prestado pela Cooperativa de Catadores e Recicladores de Santa Cruz do Sul (Coomcat) foram apresentados, em entrevista à Rádio Gazeta FM 107,9, na última quarta-feira. O coordenador de Logística da Coleta Seletiva Solidária de Santa Cruz, Uilian Mendes, destacou que somente em 2021 mais de 990 mil quilos de resíduos foram recolhidos pela entidade.

De acordo com ele, foram retirados da rua mais de 214 mil quilos de vidro, mais de 270 mil quilos de plástico, 89 mil quilos de metal e 417 mil quilos de papel. “A recuperação do metal, por exemplo, poupou a extração de aproximadamente 175 toneladas de minério. Isso equivale a quase 321 mil quilowatts de energia elétrica e também a 3,8 mil metros cúbicos em um aterro sanitário”, frisou.

LEIA MAIS: Coleta Seletiva Solidária completa nove anos em Santa Cruz

Além disso, a recuperação de papel evitou o corte de mais de 12,5 mil árvores no ano de 2021 e economizou aproximadamente quatro milhões de litros de água. “Isso também tem uma proporção de 15 hectares de florestas que deixaram de ser derrubadas”, enfatizou o coordenador.

Os resultados e os impactos positivos para o meio ambiente não param por aí. Ainda conforme Mendes, em relação à coleta de plástico, foi possível economizar mais de três toneladas de petróleo que não precisaram ser extraídas. “Sabemos que o petróleo é um recurso finito, tanto que já temos tecnologias de carros elétricos”. Já a coleta de vidro representa mais de 80 toneladas de areia que foram economizadas para produção de vidros novos.

As metas da cooperativa para 2022

Para Uilian Mendes, é fundamental que as pessoas atuem na separação correta do lixo. “De todo o resíduo gerado pela população de Santa Cruz, 27,82% é reciclável. E nós conseguimos, nos 15 bairros que atendemos, índice de reciclagem de 12% em 2021”. A meta para 2022, segundo ele, é chegar a 20%. “A separação deve acontecer desde a fonte. As pessoas devem ter uma lixeira para seco e uma para orgânico em suas casas, isso já nos ajuda muito”. 

LEIA MAIS: Coomcat encaminhou 940 toneladas para reciclagem em 2020

Quer receber as principais notícias de Santa Cruz do Sul e região direto no seu celular? Então faça parte do nosso canal no Telegram! O serviço é gratuito e muito fácil de usar. Se você já tem o aplicativo, basta clicar neste link: https://t.me/portal_gaz. Se ainda não usa o Telegram, saiba mais sobre o app aqui e veja como baixar.

Aviso de cookies

Nós utilizamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdos de seu interesse. Para saber mais, consulte a nossa Política de Privacidade.