Rádios ao vivo

Leia a Gazeta Digital

Série B

Roger Machado admite dificuldades do Grêmio: “Não vamos subir em agosto”

Foto: Lucas Uebel/Grêmio

O Grêmio empatou com o Criciúma em 0 a 0 na Arena e as críticas em relação ao trabalho de Roger Machado acentuaram-se. São três jogos sem vencer no Brasileiro da Série B. Com 12 pontos, o Grêmio ocupa a sexta posição. O próximo compromisso será no dia 29, domingo, às 16 horas, contra o Vila Nova, no Estádio Serra Dourada, em Goiânia. Na terça-feira, 24, o Grêmio deve ter uma equipe alternativa diante do Glória, no Estádio Altos da Glória, em Vacaria, às 19 horas, para a disputa da Recopa Gaúcha.

O técnico Roger Machado comentou sobre as dificuldades enfrentadas pela equipe. “Temos enfrentado dificuldades naturais da competição. Elas vão seguir ocorrendo. Não vamos conseguir o acesso em agosto. Isso é uma ilusão, mesmo com o peso do Grêmio. Nós encontramos equipes bem estruturadas”, disse o treinador.

Roger acredita que o Grêmio não mereceu empatar. “Acho que fizemos um jogo que poderíamos ter vencido. Com uma estrutura de dois atacantes à frente, dentro da nossa casa. Com as mudanças, procurei o melhor momento de cada atleta. Tanto no primeiro tempo como no segundo, penso que funcionou o suficiente para vencer. Mas não enxerguei um mau jogo”, avaliou.

Roger não descartou manter Diego Souza e Elkeson juntos na próxima partida. “É possível. Estou buscando formações diferentes. Vou pegar o melhor momento de cada jogador. Eu preciso gerar confiança com a repetição, mas não posso ter uma atuação nota oito em um jogo e nota três em outro. Buscamos a regularidade”, afirmou.

Elkeson teve apenas uma chance de finalizar e viu todo o time sucumbir em nova atuação abaixo do esperado. Apesar de reconhecer os problemas, sugeriu calma para afastar a pressão. “Tentamos dar nosso melhor dentro de campo. Criamos bastante desde o primeiro tempo. Mais uma vez, a gente tem que pedir desculpa, lamentar esse resultado estranho diante do nosso torcedor. É o momento de ter calma também. Sei que está todo mundo chateado, mas o campeonato ainda tem muitos jogos”, sublinhou.

O ambiente na Arena refletiu a tensão da partida. A cada erro técnico no gramado, os sons de desaprovação não demoraram a aparecer. “O torcedor está machucado desde o ano passado. Entendo perfeitamente. Tenho que parabenizar os torcedores. Se manifestaram a favor por 90 minutos. Compreendo a decepção e a ansiedade. Gostaria de estar líder, mas essa posição na tabela está longe das nossas aspirações. O torcedor só estará tranquilo com nosso acesso. E ele virá”, considerou Roger.

Denis Abrahão comenta sobre vaias

Desapontados com mais uma atuação abaixo da expectativa, os torcedores presentes na Arena vaiaram o time após o apito final e cobraram os dirigentes. Para o vice de futebol, Denis Abrahão, as manifestações são doloridas.

“Eu não escutei as manifestações, mas eu sei que elas existem. Recebo isso com muita tranquilidade e maturidade. Claro que não gostaria de ouvir, mas sabia que, quando assumi, poderia acontecer. Mas machuca. Dói, sim. A gente se dedica e trabalha bastante. Não tem nenhum dirigente aqui que não queira acertar. Tem que ser verdadeiramente forte para estar aqui”, disse.

Abrahão lamentou o desperdício de oportunidades e prometeu muito trabalho em busca na reação na tabela. “Nós estamos passando por um momento muito ruim. Quando estamos mal, achamos um gol, como em Itu, e tomamos um gol aos 49 minutos. Hoje criamos quatro oportunidades no primeiro tempo e não matamos o jogo. No segundo tempo, outras chances e não aproveitamos. Como se corrige? Trabalhando. Vamos colher os frutos ali na frente”, comentou.

Abrahão destacou que não há possibilidade de agregar jogadores mais experientes no elenco antes da abertura da janela de transferências, em 18 de julho. “Eu acho que o time do Grêmio é um misto de jovens com jogadores experientes. É difícil agregar valores nesse momento. Primeiro que a janela só abre em julho e, até lá, vamos ter ‘n’ rodadas”, concluiu.

Quer receber as principais notícias de Santa Cruz do Sul e região direto no seu celular? Então faça parte do nosso canal no Telegram! O serviço é gratuito e muito fácil de usar. Se você já tem o aplicativo, basta clicar neste link: https://t.me/portal_gaz. Se ainda não usa o Telegram, saiba mais sobre o app aqui e veja como baixar.

Mais sobre

Aviso de cookies

Nós utilizamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdos de seu interesse. Para saber mais, consulte a nossa Política de Privacidade.