Atenção, responsáveis 02/01/2019 15h42 Atualizado às 15h53

Matrículas na rede municipal já podem ser feitas; confira lista de documentos

Prazo começa nesta quarta-feira e vai até a próxima semana

Os pais e responsáveis pelas crianças contempladas com vagas na rede municipal de ensino já podem fazer a matrícula nas escolas selecionadas na lista divulgada pela Secretaria de Educação no mês passado. O prazo teve início nesta quarta-feira, 2, e segue até o dia 11 de janeiro. Ele vale tanto para pré-escola (4 e 5 anos) quanto para Emeis (0 a 3 anos).

Para fazer rematrícula ou ingresso nos primeiros anos é preciso levar uma série de documentos. Para as crianças de 0 a 3 anos, era necessário ter retirado o atestado de vaga entre os dias 18 e 21 de dezembro, que agora é levado às escolas. Caso o atestado não tenha sido retirado, a criança perde a vaga e vai para o fim da lista.

Os pais devem se dirigir diretamente até a escola indicada na lista das crianças contempladas. A expectativa da secretaria é de que o movimento nas instituições seja tranquilo. “Ficamos três dias distribuindo atestados de vagas e foi um movimento muito tranquilo, sem filas. Esperamos que isso se repita nas matrículas. Como os pais têm de hoje até o dia 11, acreditamos que seja um bom prazo para todos”, comentou a secretária de educação, Jaqueline Marques.

Na lista de documentos necessários, a secretária destaca a obrigatoriedade de apresentação do CPF das crianças, mesmo as que tenham entre 0 e 3 anos. “É uma determinação que precisamos seguir, por isso orientamos os pais a agilizarem o CPF antes mesmo de comparecer na escola.” As instituições atendem em turno único, das 8 às 14 horas, sem fechar ao meio-dia.  

Veja a lista de documentos:

Rematrícula:
- Atualizar dados cadastrais, se houver mudança;
- Documento de identidade com foto (dos pais e da criança);
- Comprovante de residência atualizado (conta de luz, telefone ou contrato de moradia).

Ingressos:
- Preenchimento de ficha de inscrição;
- Certidão de Nascimento ou Documento de Identidade com foto (da criança);
- Documento de identidade (dos pais);
- CPF (dos pais e da criança);
- Comprovante de residência atualizado (conta de luz, telefone ou contrato de moradia);
- Laudo médico com CID atestando deficiência, se tiver;
Observação: A inscrição no 1º ano do Ensino Fundamental só poderá ser efetuada para a criança que completar 6 anos até o dia 31 de março de 2019.