Saúde 06/07/2018 16h29 Atualizado às 16h48

Tratamento de radioterapia será ampliado no Hospital Ana Nery

A instituição foi beneficiada com um projeto do Governo Federal e recebeu um investimento de R$ 7 milhões

Em 2012, o Hospital Ana Nery foi uma das instituições beneficiadas com o projeto do Governo Federal de ampliação dos serviços de radioterapia nos hospitais que atendem pelo Sistema Único de Saúde (SUS). E, devido a isso, recebeu um investimento de R$ 7 milhões, integralmente custeado pelo Ministério da Saúde. O recurso contemplará a aquisição de um novo aparelho de radioterapia e a construção do prédio para abrigá-lo (chamado Bunker). 

De acordo com o diretor executivo do Ana Nery, Gilberto Antonio Gobbi, o hospital já havia adquirido um terreno ao lado do Centro de Oncologia Integrado, para que fosse possível viabilizar esse investimento. “Com o suporte oferecido pelo hospital, que agilizou todos os trâmites necessários, o Ministério da Saúde pode contratar as empresas responsáveis pela construção e assim conseguiremos dar início às obras”, complementa. 

LEIA MAIS: Ana Nery vai assumir a gestão do Hospital Vera Cruz

Na manhã dessa quinta-feira, 5, representantes do Ministério da Saúde, do Hospital Ana Nery, da Secretaria de Saúde de Santa Cruz e das empresas responsáveis pela obra e equipamentos - RAF Arquitetura, Varian, Intus Engenharia & Gestão e Concremat Engenharia e Tecnologia - estiveram reunidos no hospital, para formalizar a parceria e assinar os contratos necessários.“Este momento nos traz muitas alegrias, pois esta obra era muito aguardada, há alguns anos, não só pelo Ana Nery como também por toda a comunidade”, comemora Gobbi.

Durante a reunião, o diretor médico do Hospital, Luiz Alberto Hauth, relembrou os primeiros passos dados pela instituição na inauguração da Oncologia. “Começamos pequeno, por isso nos orgulha muito podermos oferecer todo o ciclo de tratamento aqui, desde as consultas, quimioterapia e também a radioterapia. Estamos felizes em poder oferecer o melhor para a comunidade e os nossos pacientes”, destaca.

Davi Lessa de Azevedo Pereira, supervisor do Ministério da Saúde, reforçou que, para o Ministério, entregar todas as obras de radioterapia é prioridade “O plano nacional de expansão do serviço de radioterapia iniciou em 2012 e cada obra finalizada e entregue é sinônimo de pacientes sendo tratados e tendo uma nova chance”, reitera. 

Em 2017, o Hospital Ana Nery realizou em média 110 tratamentos de radioterapia por mês e a previsão, com a conclusão da obra, prevista para fevereiro de 2019, é dobrar este número beneficiando mais pacientes oncológicos da região. Como a obra não terá vinculação direta com a estrutura do hospital, o serviço oferecido atualmente não sofrerá nenhuma alteração.

 

Saiba mais

A radioterapia é um método capaz de destruir células tumorais, empregando feixe de radiações ionizantes. Uma dose pré calculada de radiação é aplicada, buscando erradicar todas as células tumorais, com o menor dano possível às células normais circunvizinhas, à custa das quais se fará a regeneração da área irradiada.

A radioterapia é usada por 70% dos pacientes com câncer, principalmente no tratamento de tumores de próstata, esôfago, cabeça e pescoço. Também é utilizada com intuito preventivo de recidiva em tumores operados de mama, estômago e sistema nervoso central. Além disto, o tratamento auxilia na redução da dor daqueles pacientes com metástase óssea.