Copa do Brasil 04/09/2019 21h05 Atualizado às 00h03

Inter despacha o Cruzeiro e pega o Athletico-PR na final

Colorado aplicou 3 a 0 no Beira-Rio e retornará à final do torneio depois de dez anos

Em grande estilo, o Internacional segue firme na busca do bicampeonato da Copa do Brasil. Com grande atuação de Paolo Guerrero, autor de dois gols, o Colorado goleou o Cruzeiro por 3 a 0 na noite desta quarta-feira, 4, no Beira-Rio, e confirmou a vaga à final do torneio depois de dez anos. No jogo de ida, o time gaúcho já havia vencido por 1 a 0 em Belo Horizonte.

A decisão será contra Atlhetico-PR, que evitou um possível clássico Gre-Nal ao eliminar o Grêmio mais cedo, devolvendo o 2 a 0 do primeiro confronto e fazendo 5 a 4 nas penalidades. Os duelos serão nos dias 11 e 18 de setembro, com sorteio dos mandos de campo nesta quinta-feira, às 15 horas, na sede da Confederação Brasileira de Futebol, no Rio de Janeiro. Pela 18ª rodada do Brasileirão, o Inter enfrenta o São Paulo no próximo sábado, 7, às 19 horas, novamente em Porto Alegre.

PRIMEIRO TEMPO

Com Nico López entre os titulares, o Internacional dominou as ações e marcou presença no campo de ataque. Aos 15, o zagueiro argentino Víctor Cuesta acertou um belo chute, que tirou tinta da trave de Fábio. Quatro minutos depois, Lindoso finalizou e o goleiro da Raposa defendeu com tranquilidade.

O Cruzeiro assustou com Thiago Neves, que finalizou próximo à meta de Marcelo Lomba, aos 37. Quando tudo indicava que a equipe mineira conseguiria levar o empate para o intervalo, o Inter balançou a rede aos 40. D'Alessandro cruzou da direita, na segunda trave, para Guerrero, que completou de cabeça. Os visitantes ameaçaram novamente aos 42 no arremate de Marquinhos Gabriel, obrigando uma boa defesa de Lomba.

SEGUNDO TEMPO

O Internacional manteve o controle do jogo na volta do intervalo. Aos 9 minutos, Guerrero encontrou Nico na esquerda. O uruguaio gingou pra cima de Henrique, limpou para a esquerda e finalizou firme para boa defesa de Fábio. O Cruzeiro trocava passes no sistema ofensivo, mas não oferecia riscos ao gol de Lomba.

Aos 25, o Colorado ampliou o escore, com direito a golaço. Nico recebeu na área, dominou na coxa e lançou para Guerrero, que matou no peito e finalizou cruzado, no ângulo – 2 a 0. Na sequência, Nico poderia ter feito o terceiro. Ele avançou em velocidade até a grande área, mas acabou batendo pela linha de fundo.

O técnico Odair Hellmann aproveitou para fazer mudanças na equipe, colocando Rafael Sobis e Nonato nas vagas de D'Alessandro e Nico, respectivamente. Ainda deu tempo de mais um. Aos 45, Cuesta lançou para Edenilson, que tocou por cobertura na saída de Fábio – 3 a 0 e outro golaço no Beira-Rio. Antes do apito final, Sarrafiore substituiu Uendel e tão logo o confronto terminou, muita festa dos 45, 7 mil torcedores.

COPA DO BRASIL
SEMIFINAL
JOGO 2
INTERNACIONAL 3 a 0 CRUZEIRO

Data e horário: Quarta-feira, 4 de setembro, 21h30
Local: Beira-Rio, em Porto Alegre
Arbitragem: Flávio Rodrigues de Souza (SP), com Alessandro Matos (BA) e Fabrício Vilarinho da Silva (GO)
Vídeo: Rodrigo Ferreira do Amaral (SP), com Caio Max Vieira (RN) e Fabricio Moura (SP)
Gols: Internacional - Paolo Guerrero (40/1ºT e 25/2ºT) e Edenilson (45/2ºT)

INTERNACIONAL
Marcelo Lomba; Bruno, Rodrigo Moledo, Víctor Cuesta e Uendel (Sarrafiore); Rodrigo Lindoso, Edenilson, Patrick e D’Alessandro (Rafael Sobis); Nico López e Paolo Guerrero
Técnico: Odair Hellmann

CRUZEIRO
Fábio; Jadson, Dedé (Ariel Cabral), Fabrício Bruno e Dodô; Henrique, Robinho (Ederson), Marquinhos Gabriel, Thiago Neves e David; Pedro Rocha
Técnico: Rogério Ceni


MAIS LIDAS