Novidade 23/11/2018 23h22 Atualizado às 20h44

Rio Pardo entra no roteiro da Maria Fumaça decorada

A ação faz parte do projeto Natal nos Trilhos da Rumo

A cidade histórica de Rio Pardo vai ter uma novidade este ano na programação que antecede o Natal. A população poderá acompanhar no dia 9 de dezembro o desfile da locomotiva Maria Fumaça Mallet 204, construída em 1950. A ação faz parte do projeto Natal nos Trilhos da Rumo, que envolve a passagem de trens iluminados em quatro estados do País.

Única na América do Sul, a Maria Fumaça chega a Santa Catarina e Rio Grande do Sul neste domingo. Durante quatro semanas, milhares de pessoas poderão acompanhar o desfile da locomotiva pelos dois estados. Ela vai percorrer 27 cidades do Sul do Brasil depois de ser uma das principais atrações do turismo natalino de Curitiba em 2017.

Depois de 40 anos parada, a máquina foi restaurada pela Associação Brasileira de Preservação Ferroviária (ABPF) para ser utilizada em eventos turísticos especiais. Assim, o itinerário começa em Rio Negro (PR), percorre cidades de Santa Catarina e Rio Grande do Sul, e termina em Rio Negrinho (SC), sede da ABPF, parceira da Rumo no projeto. “A Maria Fumaça Iluminada foi uma maneira que as duas instituições encontraram de levar energia, beleza e o espírito de Natal a todas as comunidades. Este é um cuidado permanente da Rumo: pensar no futuro valorizando o passado, garantindo boas memórias e unindo gerações com a ferrovia”, salienta a idealizadora do projeto, Carmen Maron.

O projeto Natal nos Trilhos surgiu no ano passado, com a passagem das locomotivas iluminadas “arrematando” uma série de iniciativas de responsabilidade socioambiental da Companhia. Entre ações de voluntariado envolvendo colaboradores, reciclagem de materiais, visitas a instituições carentes e apresentações culturais, a passagem da Maria Fumaça levou luz e cor a milhares de pessoas. “Durante todo o ano, desenvolvemos dezenas de atividades voltadas à comunidade parceira da ferrovia. É uma grande oportunidade poder encerrar nossas atividades com o sentimento de união e esperança que o Natal nos traz”, ressalta Carmen.

Foto: DivulgaçãoMáquina foi restaurada pela Associação Brasileira de Preservação Ferroviária (ABPF)
Máquina foi restaurada pela Associação Brasileira de Preservação Ferroviária (ABPF)